Diversificar as exportações

DSC00407“Temos que desenvolver um esforço muito grande para diversificar as nossas exportações, quer em termos de destinos, quer em termos de mercados de aplicações finais”   – referiu o eng. João Faustino, da T. J. Moldes, na mesa redonda durante o XXVII SEMINÁRIO DE PLÁSTICOS – “Hoje trabalhamos basicamente para três áreas. Temos que diversificar a reduzir a dependência destes sectores. Temos que ser destemidos”.

“Ninguém mais do que nós, nem nos EUA, nem na China, têm máquinas mais avançadas do que as nossas” – referiu João Faustino – “mas isso não significa que possamos ficar descansados. Temos que nos destacar pela tecnologia, pelo aport de produtividade e valor no desenvolvimento, prototipagem e produção da peça. Temos que ser uma indústria mais transversal porque só assim poderemos aumentar as taxas de exportação”.