O dilema ambiental dos tabuleiros de PET

A composição actual da maior parte dos tabuleiros de PET dificulta a sua reciclagem. No futuro, esta situação poderá alterar-se através de mudanças no design destinadas a facilitar a reciclagem. A PRE (Plastics Recyclers Europe, a associação europeia de recicladores) anunciou que vai desenvolver orientações de reciclagem específicas para os tabuleiros de PET.
Nos anos mais recentes, verificou-se um aumento significativo do uso de tabuleiros de PET pelas indústrias embaladoras. Este aumento não obedeceu a regras e soluções orientadas para o fim de ciclo de vida dos tabuleiros. Em resultado, a maior parte destes tabuleiros não é fácil de reciclar. Os fluxos e sistemas de recolha e reciclagem actuais não incluem, em geral, os tabuleiros de PET. Os recicladores de PET têm dificuldade em lidar com eles devido à diversidade de composição (multi-camadas, combinações com outros materiais, etc.), contrastando com as garrafas PET. Os recicladores de plásticos mistos tendem a rejeitar os tabuleiros de PET por serem incompatíveis com as poliolefinas. Isto cria uma situação negativa para as cerca de 700 mil toneladas de tabuleiros de PET anualmente colocadas no mercado e quie constituem um recurso potencial para a União Europeia. Actualmente, vários sistermas de recolha tentam "empurrar" estes tabuleiros para os fluxos de resíduos destinados aos recicladores de garrafas PET ou de plásticos mistos, de forma a melhortar s taxas de reciclagem. O factor-chave para mudar este estado de coisas consiste em actuar na fase de de design dos tabuleiros. A indústria deve envolver-se no sentido de manter e fazer crescer o mercado dos tabuleiros PET. Se a situação não se alterar, os tabuleiros de PET correm o risco de serem substituídos por soluções mais eficientes. A PRE pretende alterar a situação e assumir a responsabilidade de desenvolver orientações de reciclagem para tabuleiros de PET. As primeiras orientações permitirão às empresas da cadeia de valor da embalagem analisar a reciclabilidade das embalagens colocadas no mercado e mudar para tabuleiros PET mais fáceis de reciclar. Numa segunda etapa, deverá apostar-se na triagem de tabuleiros PET para tornar a reciclagem mais fácil. Como os problemas são similares, a PRE também vai elaborar orientações para tabuleiros de outros materiais.