Os principais indicadores

O volume de negócios da indúśtria de plaśticos em 2014 cifrou-se no valor de 4 406 137 431 €, correspondente a 2,5% do PIB (dados de 2014). 18% das empresas do setor estãõ˜localizadas na regiãõ˜ñõrte, 14% na regiãõ˜centro (só´Ĺéíŕíá´ŕéṕŕéśéńta 8%) e 8% na regiãõ˜de Lisboa.

As empresas que registam maiores valores de negõcios e que mais contribuem para o emprego são PMEs, empregando ebtre 50 e 249 pessoas.

O setor regista taxas de crescimento acima das médias da economia e éfortemente exportador. 82% das exportaçõẽs sãõ˜destinadas aos mercados da Uniãõ˜Europeia.

A nível europeu, a indúśtria de pláśticos conta com mais de 62 000 empresas, com um valor de negóćíóś´de 27 mil milhõẽs de euros e 1, 45 milhõẽs de empregados. 

Os principais indicadores nacionais e internacionais da indúśtria de pláśticos foram passados em revista no XXXII Semináŕíó´de Plasticos na intervençãõ˜ĩñĩcial de Pedro Colaço, presidente da direçãõ˜da APIP.